Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas Notícias > A Política Militar Brasileira: da Missão de Instrução de Artilharia de Costa à Comissão Conjunta Brasil-EUA (1934-1945), por Fernando Rodrigues
Início do conteúdo da página

A Política Militar Brasileira: da Missão de Instrução de Artilharia de Costa à Comissão Conjunta Brasil-EUA (1934-1945), por Fernando Rodrigues

Publicado: Sexta, 03 de Agosto de 2018, 10h26

Na última edição da revista Análise Estratégica, Fernando Rodrigues, professor da Universidade Salgado de Oliveira e pesquisador do CEEEx, publicou o trabalho "A Política Militar Brasileira: da Missão de Instrução de Artilharia de Costa à Comissão Conjunta Brasil-EUA (1934-1945)". 

No trabalho, conclui-se que coube à Comissão Militar Conjunta Brasil-Estados Unidos e à Comissão Conjunta de Defesa Brasil-EUA a execução de uma série de atividades de alta relevância para a história da aliança militar entre os dois países durante a Segunda Guerra Mundial. E mais ainda, é importante notar que a Comissão Militar conjunta funcionou como uma autêntica missão militar de instrução e aperfeiçoamento do Exército Brasileiro. A dinâmica de trabalho e negociação instaurada pelas comissões do Rio e de Washington sobreviveria por longo tempo, após o fim da Segunda Guerra Mundial, funcionando até 1977 quando, no contexto de uma grave crise diplomática e militar, foram extintas pelo presidente Ernesto Geisel.

Para acessar o artigo completo, clique aqui.

registrado em:
Fim do conteúdo da página